Região Sul tem maior aumento de exportações em 2013

 Foto: Divulgação APPA

Foto: Divulgação APPA

Brasília –  A Região Sul teve o maior crescimento das vendas externas entre as regiões brasileiras em 2013. De janeiro a dezembro do ano passado, os estados do Sul venderam 18,19% mais que em 2012. O total de exportações da região passou de US$ 44,015 bilhões, em 2012,  para US$ 52,021 bilhões, em 2013, o que representou um crescimento da participação regional nas exportações totais do Brasil de 18,15% para  21,48%.

A segunda maior elevação das vendas externas (10,76%) foi do Centro-Oeste brasileiro (de US$ 25,621 bilhões para US$ 28,377 bilhões; de 10,56 % para 11,72% do total Brasil); seguido pela Região Norte, com 7,89% de aumento (de US$ 17,692 bilhões para US$ 19,088 bilhões; 7,29 % para 7,88%). O Nordeste registrou queda de 8,01% nas vendas externas (de US$18,773 bilhões para US$ 17,270 bilhões; 7,74 % para  7,13%) e o Sudeste também teve redução 8,68% das exportações em 2013 (US$ 133,520 bilhões para US$ 121,936 bilhões; 55,04% para  50,35%).

Em valores absolutos, os maiores exportadores foram: Sudeste (US$ 121,936 bilhões); Sul (US$ 52,021 bilhões); Centro-Oeste (US$ 28,377 bilhões); Norte (US$ 19,088 bilhões) e Nordeste  (US$ 17,270 bilhões).

Estados

Entre os estados, o que teve maior crescimento das vendas externas, em relação ao ano anterior, foi o Rio Grande do Sul, que aumentou em 44,34% as exportações. Os embarques do estado passaram de US$ 17,385 bilhões para US$ 25,093 bilhões, elevando de 7,17% para 10,36% a participação nas vendas externas brasilerias.  Em valores absolutos, os maiores exportadores foram São Paulo (US$ 56,317 bilhões; queda de 5,11% em relação a 2012 e participação de  23,25 % no total Brasil); Minas Gerais (US$ 33,436 bilhões; aumento de 0,57%; participação de 13,81% ); Rio Grande do Sul (US$ 25,093 bilhões; 44,34% de elevação; 10,36%); Rio de Janeiro (US$ 21,273 bilhões; queda de 26,04%; participação de  8,78%); e Paraná (US$ 18,239 bilhões; aumento de 2,99%;participação de 7,53%).

Veja no site os dados da balança comercial de estados e regiões


Fonte: Assessoria de Comunicação Social do MDIC

Anúncios