Copel inaugura subestação Hauer e duas linhas de transmissão

A Copel e o Governo do Estado inauguraram nesta quarta-feira (05), em Curitiba, a subestação Hauer e duas linhas de transmissão que reforçam o sistema elétrico de toda a região sudeste da Capital.

A Copel e o Governo do Estado inauguraram nesta quarta-feira (05), em Curitiba, a subestação Hauer e duas linhas de transmissão que reforçam o sistema elétrico de toda a região sudeste da Capital. Curitiba, 05/07/2017.Foto: Daniela Catisti/Copel

Com investimentos de R$ 26,4 milhões, o conjunto também contribui para melhorar a qualidade de fornecimento de energia na RMC ao aliviar a carga de outras subestações existentes já interligadas.

Com a obra, o sistema elétrico da região fica ainda mais seguro e estável, pois a nova unidade serve como uma alternativa de desvio de fluxo de carga, prevenindo o corte no fornecimento de energia aos consumidores em caso de contingências. Ao mesmo tempo, a unidade contribui para o desenvolvimento econômico da cidade, ao prover energia com mais qualidade e permitir a ligação de novas residências e empreendimentos comerciais.

A lógica é simples. À medida que a população cresce e o consumo aumenta, a Copel precisa expandir a rede elétrica e modernizar a infraestrutura do sistema, para garantir energia a todos e subsidiar a construção de hospitais, escolas e indústrias.

“Este é mais um empreendimento importante, que contribui para o desenvolvimento da cidade e de toda a região”, ressalta o presidente da Copel, Antonio Guetter. “Cada obra de ampliação da rede elétrica representa um passo firme para subsidiar o desenvolvimento do Paraná e para a qualidade de vida dos paranaenses, que necessitam cada vez mais de energia de qualidade”, acrescentou.

O prefeito de Curitiba, Rafael Greca, enalteceu a inauguração de mais uma obra voltada à melhoria da qualidade de vida na cidade. “A Copel, além de orgulho dos paranaenses, é a mais importante empresa instalada em Curitiba, e a cada investimento que melhora nossa cidade, nós devemos um agradecimento para a Companhia”.

A lógica é simples. À medida que a população cresce e o consumo aumenta, a Copel precisa expandir a rede elétrica e modernizar a infraestrutura do sistema, para garantir energia a todos e subsidiar a construção de hospitais, escolas e indústrias.

Somente para construir a subestação foram aplicados R$ 18,7 milhões. Para conectá-la ao sistema elétrico do Paraná foram construídas duas linhas de transmissão. Foram aplicados R$ 4,4 milhões para interligá-la à SE Uberaba e outros R$ 3,3 milhões na conexão que vai até a SE Parolin.

MAIS INVESTIMENTOS – Além da SE Hauer, a Copel tem um conjunto significativo de obras em andamento em Curitiba e Região, com investimentos de R$ 300 milhões. “A subestação Colombo está quase pronta. Até o fim deste ano também entregaremos as subestações Rio Branco do Sul e Sítio Cercado”, contou Guetter. O presidente da Copel lembrou, também, que ainda em 2017 começará a retirada das torres da Av. Comendador Franco (Av. das Torres), que ganhará uma linha subterrânea, liberando o canteiro da avenida.

SEGURANÇA – Localizada na Rua William Booth nº 314, a Subestação Hauer é do tipo abrigada – instalada dentro de um edifício – e isolada a gás (GIS), ocupando uma área mais compacta. Essas características conferem maior segurança ao funcionamento da unidade, que não fica exposta, como as subestações convencionais externas. De fora, a subestação se parece um prédio comercial comum.

Fonte: Copel

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s