Instalação obrigatória de equipamentos que mancham dinheiro de caixas eletrônicos durante furtos é aprovada

CCJ de fevereiro de 2018. Foto: Dálie Felberg/Alep

O projeto de lei que obriga estabelecimentos bancários e financeiros, em todo o estado, a instalar em seus caixas eletrônicos equipamentos antifurto que manchem de tinta as cédulas de dinheiro em casos de tentativa e de explosão dos terminais foi aprovado em primeiro turno na sessão plenária desta segunda-feira (19), na Assembleia Legislativa do Paraná (Alep). A matéria recebeu 39 votos favoráveis e nenhum contrário.

A proposta, que tramita sob o nº 169/2015, determina que os dispositivos instalados devem garantir o entintamento de pelo menos 98% das células existentes nos caixas eletrônicos ou equipamentos similares. O equipamento, de acordo com o texto, terá que ser acionado automaticamente no caso de explosão ou tentativa de abertura forçada dos terminais.

“A proteção por tinta é considerada hoje, no mundo todo, o meio mais seguro e eficiente de proteger o dinheiro, os negócios e a vida humana. Os criminosos rapidamente aprendem que onde existe proteção por entintamento é impossível ter acesso às cédulas, o que, certamente, diminui a violência, protege o cidadão e garante maior segurança a todos”, afirma o deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB), autor do projeto.

Fonte: ALEP/Assessoria de Imprensa

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s