Feira Verde: População poderá trocar pneus por alimentos

Programa Feira Verde da Prefeitura de Ponta Grossa, troca pneus por alimentos

Após um recesso para manutenção dos equipamentos, o programa Feira Verde retorna às atividades com um diferencial. Em 2018, além da troca de material reciclável por alimento em qualquer um dos 153 pontos de atendimento, a comunidade também terá a opção de trocar pneus.

Este novo projeto será feito em caráter de teste, em 33 pontos na cidade. A coleta se faz necessária devido ao acúmulo de pneus inservíveis que são destinados de maneira incorreta no meio ambiente. Através da iniciativa, os pneus serão encaminhados à uma empresa parceria da Prefeitura Municipal de Ponta Grossa, que fará a destinação correta dos materiais.

Para o secretário municipal de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (SMAPA), Ivonei Afonso Vieira, o Feira Verde é de extrema importância para a cidade. “Podemos destacar três pontos do programa, que seriam o envolvimento com o produtor rural local, a troca do material reciclável por um alimento de qualidade e a doação do que é coletado para as associações de catadores de Ponta Grossa; além do novo compromisso que assumimos com a troca de pneus, em que resolveremos um problema ambiental – a destinação incorreta desse material em arroios, rios e outras localidades”, relata Vieira.

Segundo o diretor do programa, Izidório Campos, em 2017 cerca de 13 mil pessoas foram atendidas por mês pelo Feira Verde. “Essas famílias nos auxiliaram na coleta de mais de três milhões de toneladas de reciclado. Ainda esperamos que neste ano haja um envolvimento da população para que possamos recolher pneus e, assim, fazermos a troca por alimentos”, comenta Campos.

O Feira Verde é abastecido por 136 produtores ativos da agricultura familiar, que fornecem uma variedade de produtos, como comenta o diretor de abastecimento, Bruno Costa. “Ofertamos 22 produtos. Entre eles estão a abobrinha, acelga, abóbora moranga, abobrinha verde, aipim comum, banana, batata comum, batata doce, beterraba, berinjela, brócolis, cebola, cenoura, chuchu, couve-flor, laranja pêra, melancia, milho verde, pepino, repolho, tangerina e pokan da mais alta qualidade. Isso reforça a qualidade de vida da população, com uma alimentação baseada em frutas, verduras e legumes”, salienta Costa.

Trocas de materiais recicláveis

São quatro associações de catadores de materiais recicláveis que se beneficiam com o programa. As trocas continuarão da mesma forma, com um limite de 20 kg por dia para cada pessoa. Acompanhe na tabela abaixo os pontos de trocas dos materiais por alimentos no primeiro semestre de 2018.

 Calendário de coleta de pneus

Fonte: Prefeitura de Ponta Grossa

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s