Impactos da cobrança de tarifa mínima de água é tema de audiência pública

Na próxima quarta-feira (27) acontece no Plenarinho da Assembleia Legislativa do Paraná (ALEP), a partir das 9h30, a audiência pública “Saneamento Básico – Tarifa mínima” uma proposta do deputado Evandro Araújo (PSC). O objetivo do debate é esclarecer os impactos da cobrança da Sanepar sobre um piso para o consumo residencial, definido a partir de cinco metros cúbicos de água.

O parlamentar pretende ouvir representantes de 20 municípios que aprovaram em suas Câmaras de Vereadores projetos de lei proibindo a medida, além de diretores e gerentes da Sanepar que explicarão os motivos da cobrança. “Esta audiência irá acontecer por uma provocação de vereadores para que possamos estabelecer um momento de reflexão, tomada de decisões e encaminhamentos. A intenção é que o descontentamento que existe em torno da tarifa mínima possa ter uma resposta definitiva por parte do poder público estadual,” afirma Evandro Araújo.

Entre os participantes do encontro estão Abel Demétrio, diretor financeiro e de relações com investidores da Sanepar; Laura Conte de Oliveira, gerente de regulação da Sanepar; Marcus Cavassin, gerente jurídico geral da Sanepar; Rogerio Calazans da Silva, advogado da Frente Contra a Tarifa Mínima; e Alex Chaves, vereador de Maringá.

Fonte: Alep

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s