Aeroportos do Paraná vão receber investimento bilionário

Os terminais Afonso Pena, Bacacheri, Londrina e Foz do Iguaçu, que integram o programa de concessão aeroportuária do Governo Federal, receberão investimentos de pelo menos R$ 1,5 bilhão. Melhorias garantem mudança de categoria dos quatro aeroportos.

AVIAÇÃO CIVIL  -  Governador Carlos Massa Ratinho Junior durante reunião com o secretário nacional da Aviação Civil (SAC), Ronei Saggioro Glanzmann, em Brasília (DF), na terça-feira (11).  -  Brasília, 11/02/2020  -  Foto: Rodrigo Félix Leal/AEN

O Paraná garantiu investimentos de pelo menos R$ 1,5 bilhão em quatro aeroportos do Estado – Afonso Pena, Bacacheri, Londrina e Foz do Iguaçu – que serão privatizados pelo governo federal. O anúncio foi feito pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior após reunião com o secretário nacional da Aviação Civil (SAC), Ronei Saggioro Glanzmann, em Brasília (DF), na terça-feira (11).

As obras são para que os terminais subam de categoria e constarão no contrato de concessão, previsto para valer por 30 anos. Segundo o Ministério da Infraestrutura, o leilão deve ocorrer até o final deste ano. Os aeroportos paranaenses integram o bloco Sul do processo, ao lado dos terminais de Navegantes (SC), Joinville (SC), Pelotas (RS), Uruguaiana (RS) e Bagé (RS).

Ratinho Junior destacou que os estudos para a concessão estão em fase final e que os investimentos serão detalhados pela União em audiência pública em março. “Serão muitas ações que vão fazer com que os quatro aeroportos mudem de categoria, passando a ter capacidade muito maior para pousos e decolagens, recebendo aeronaves maiores”, afirmou o governador. “Além disso, estão previstas modernizações nas áreas de embarque e desembarque e também em tecnologia”, acrescentou.

Ratinho Junior ressaltou a importância das intervenções no sistema aeroportuário para a atração de investimentos e turistas ao Estado. Ele também destaca as ações realizadas pelo governo estadual para oferecer novas opções de deslocamento aéreo para cidades do interior com o Programa Voe Paraná.

CURITIBA – O governador disse que entre as exigências contratuais para a privatização que o Afonso Pena, em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), constam novos equipamentos de segurança, garantindo também voos em condições climáticas desfavoráveis. “Curitiba ficará no mesmo patamar de Guarulhos, que hoje é o principal aeroporto do País”, destacou Ratinho Junior.

Secretário de Estado da Infraestrutura e Logística, Sandro Alex também participou da reunião na Secretaria da Aviação Civil. Ele reforçou que o Afonso Pena passará, após a concessão, a operar na categoria 4E “sem restrições”. Ou seja, com capacidade para receber um voo Miami-Curitiba sem escalas. “Permitirá aeronaves maiores, capacidade maior e maior volume de passageiros”, explicou.

De acordo com o secretário, a mudança de categoria independe da construção ou não de uma terceira pista no terminal de São José dos Pinhais. “Quem vai decidir isso é a empresa que ganhar a concessão. Ela terá de ampliar a capacidade e mudar o aeroporto de categoria. Pode ser com a terceira pista ou ampliação da segunda. Cumprindo o contrato, isso independe”, ressaltou Sandro Alex.

O secretário lembrou ainda que, pelo acordo com o governo federal, o Afonso Pena passará a operar o ILS3 full, sistema de aproximação por instrumentos que dá uma orientação precisa ao avião que esteja na fase de aproximação final da pista. O Bacacheri, de acordo com Sandro Alex, receberá melhorias que permitirão decolagens de aviões comerciais maiores e mais modernos, como o modelo ATR42.

Fonte: Secretaria de Estado da Infraestrutura e Logística

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s