Saúde quer ampliar parcerias no enfrentamento ao coronavírus

Secretário da Saúde, Beto Preto, discutiu nesta terça-feira (31) com representantes de entidades hospitalares a possibilidade de ampliação de parcerias e apresentou a estrutura e as estratégias do Paraná no enfrentamento ao coronavírus.

O secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, discutiu nesta terça-feira (31) com representantes de entidades hospitalares a possibilidade de ampliação de parcerias e apresentou a estrutura e as estratégias do Paraná no enfrentamento ao coronavírus. Foto:SESA

O secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, discutiu nesta terça-feira (31) com representantes de entidades hospitalares a possibilidade de ampliação de parcerias e apresentou a estrutura e as estratégias do Paraná no enfrentamento ao coronavírus.

“Apresentamos o panorama da doença no Estado e a estrutura hospitalar que temos considerando leitos SUS, filantrópicos e privados. Também discutimos sobre novas estratégias para atendimento da população e profissionais de saúde da ponta”, disse Beto Preto.

Segundo ele, o apoio das instituições durante a pandemia do coronavírus é importante para unir forças no combate à doença no Estado. “Essa parceria com os hospitais, federações, associações e sindicatos é essencial para que possamos ampliar a oferta do serviço hospitalar como um todo, seja com materiais, testes e até mesmo mão de obra especializada”.

Nos próximos dias, uma nova reunião deverá acontecer com outras entidades representativas na área da saúde. “Devemos ampliar estas conversas, porque quanto mais gente, profissionais e instituições estiverem nos auxiliando, vamos superar este momento com mais tranquilidade”, acrescentou o secretário.

PRESENÇAS – Estiveram presentes o diretor-geral da Sesa, Nestor Werner Júnior, o diretor-executivo de Saúde da Sesa, Geraldo Gentil Biesek, o diretor de Gestão em Saúde da Sesa, Vínicius Filipak, o assessor do gabinete do secretário, César Neves, o presidente da Federação das Santas Casas de Misericórdia e Hospitais Beneficentes do Estado do Paraná (Femipa) e Sindicato dos Hospitais e Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Paraná (Sindipar), Flaviano Feu Ventorim, o diretor-executivo do Hospital Pilar e da Federação dos Hospitais e Estabelecimentos de Serviços de Saúde no Estado do Paraná (Fehospar), Rodrigo Milano, e o 1º vice-presidente da Associação dos Hospitais do Estado do Paraná (Ahopar) e diretor-geral do Hospital Marcelino Champagnat, José Octávio da Silva Leme Neto.

Fonte: SESA/PR

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s