Tecpar certifica produtores orgânicos em parceria com prefeitura de São José dos Pinhais

Trabalho acontece por meio de parceria com a prefeitura. O Tecpar Certificação orienta os agricultores familiares interessados em produzir alimentos orgânicos e, após auditoria, certifica aqueles que já seguem as técnicas de manejo

O Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar) já prestou assistência a 40 produtores orgânicos de São José dos Pinhais, na Grande Curitiba, por meio de uma parceria com a prefeitura, através do programa municipal de apoio à agricultura orgânica. As ações são do Tecpar Certificação, que orienta os agricultores familiares interessados em produzir alimentos orgânicos e certifica aqueles que já seguem as técnicas de manejo.

Primeiro organismo de certificação de produtos orgânicos por auditoria do Brasil, o Tecpar Certificação se destaca como o terceiro maior certificador por auditoria do segmento do País, credenciado pelo Ministério da Agricultura e Abastecimento e pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro). Atualmente, 299 produtores rurais de 94 cidades do Paraná têm a certificação de orgânicos concedida pela unidade.

O diretor-presidente do Tecpar, Jorge Callado, observa que o município de São José dos Pinhais foi um dos primeiros clientes do instituto na área de orgânicos, uma parceria que já dura 16 anos. “Estabelecemos uma parceria sólida, contribuindo para que a certificação de orgânicos seja um grande diferencial para os pequenos produtores da cidade e, assim, apoiamos o fortalecimento da economia local com bases de sustentabilidade”, destaca. 

Hoje o Paraná é o estado com o maior número de propriedades certificadas do Brasil. Segundo o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, o estado responde por 17,5 % dos produtores de orgânicos certificados, totalizando 3.370 propriedades. Com exceção de Rio Grande do Sul (2.388), São Paulo (2.237), e Santa Catarina (1.618), todos os demais estados brasileiros possuem menos de mil propriedades certificadas.

PARCERIA – O secretário de Agricultura e Abastecimento de São José dos Pinhais, Osmar Foggiatto, ressalta que o Tecpar é o certificador oficial do município na área de produtos orgânicos. Ele explica que o instituto faz parte do programa municipal que promove a orientação e acompanhamento das propriedades cadastradas, até que obtenham a certificação.

“O intuito do nosso programa de incentivo à produção orgânica é proporcionar à população produtos livres de agrotóxicos e produzidos de forma ecologicamente correta. Além disso, a certificação permite que o nosso produtor comercialize sua produção com valor agregado até 30% superior ao produto convencional”, explica Foggiatto.

De acordo com informações da secretaria municipal, o agricultor familiar interessado em obter a certificação deve entrar em contato com a pasta e preencher um questionário de avaliação. Como requisitos obrigatórios é necessário que haja produção ativa na propriedade e que ela esteja localizada em São José dos Pinhais. Depois de incluído no programa, o agricultor recebe orientações para converter sua lavoura tradicional para o modelo orgânico.

ETAPAS – A gerente do Tecpar Certificação, Tânia Carvalho, explica que há muitos fatores envolvidos no processo de produção orgânica, que exige o cumprimento de legislação específica, como a não utilização de agrotóxicos, preparo e manejo corretos do solo, respeito ao meio ambiente e cuidado com a saúde do agricultor. Assim que forem realizadas todas as adequações, as propriedades são auditadas e certificadas pelo Tecpar Certificação, e recebem o selo Produto Orgânico Tecpar Cert, com despesas custeadas pela secretaria do município.

“O selo garante ao consumidor que, durante todas as etapas de produção e processamento do produto certificado, não foram utilizados agrotóxicos ou qualquer insumo químico sintético. Também mostra que não foram identificadas práticas que comprometam a saúde humana, animal, das plantas e do solo, garantindo a manutenção e aumento da fertilidade”, explica Tânia.

HORTALIÇAS – No bairro Colônia Muricy, em São José dos Pinhais, está uma das propriedades certificadas pelo Tecpar. Ali, no espaço de 2,5 alqueires, a produtora Maisa de Amorin Valoski cultiva cerca de 20 tipos de alimentos orgânicos – entre hortaliças e raízes.

Maisa conta que começou a produzir orgânicos há cinco anos, a fim de oferecer aos clientes um produto diferente do convencional. “Não tinha porte para fazer produção de larga escala, então optei por ter uma produção pequena, que tivesse algum diferencial”.

Em 2018, ela procurou buscou apoio junto à secretaria municipal de Agricultura e Abastecimento para obter a certificação e garantir aos seus clientes produtos com qualidade e segurança reconhecidas. A partir daí, a propriedade passou pela auditoria do Tecpar Certificação, atendeu aos requisitos necessários e foi certificada.

Segundo Maisa, a certificação abriu novas portas e possibilitou o crescimento do negócio. No ano passado, a propriedade familiar produziu uma média mensal de 800 a mil quilos de alimentos orgânicos.

“Principalmente agora no período de isolamento social, há muita concorrência, mas o meu diferencial é a certificação. É diferente eu ligar para o meu cliente e oferecer o meu produto, dizendo que a minha propriedade é certificada pelo Tecpar. Causa outro impacto”, afirma Maisa. 

Além de fornecer os alimentos para a prefeitura e para uma empresa de Santa Catarina, Maisa também faz vendas individuais para adeptos da alimentação orgânica e participa de feiras.

Fonte: Ascom/Tecpar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s