Uso de biorremediação no tratamento de áreas contaminadas em postos de combustível

A contaminação do solo e água subterrânea a partir da operação de postos de combustível se mostra como uma das maiores preocupações ambientais para os proprietários deste tipo de empreendimento.

contaminacao
Divulgação

Além dos elevados custos envolvidos na investigação e remediação da área, existem outras consequências ainda mais preocupantes como o risco à saúde da população do entorno e de funcionários, a desvalorização do terreno, a proibição do uso do aquífero como fonte de abastecimento de água potável e a má reputação do empreendimento decorrente da poluição de bem público.

Dentro do gerenciamento de áreas contaminadas, uma das alternativas tecnológicas efetivas e de baixo custo é a biorremediação, que utiliza microrganismos naturais para remover a contaminação do solo e água subterrânea.

Segundo o último relatório da Agência de Proteção Ambiental do Estados Unidos (EPA) para áreas órfãs do país – “Superfund Remedy Report, 16 th edition (2020)”, a biorremediação foi a técnica mais empregada no tratamento de água subterrânea entre os anos de 2015 a 2017.

SUPERBAC possui um agente remediador biológico registrado no IBAMA para tratamento do solo e água subterrânea contaminados com hidrocarbonetos do petróleo.

contaminacao
contaminacao

Por: Géssia Shida – Especialista Técnica

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s